Pesquisar

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

MIT cria cubos coloridos que se autoconstroem

Vanessa Daraya, de 

Os M-Blocks foram criados pelo aluno John Romanishin. Os cubos são estáveis e se movimentam em diferentes tipos de móveis ou equipamentos

MIT cria cubos que se autoconstroem: no futuro, união de milhares de cubos como esses pode tornar sistema uma ferramenta poderosa em construções, por exemplo
São Paulo - O Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) apresentou cubos coloridos que funcionam como pequenos robôs magnéticos. O sistema permite que cada peça possa se mover e ser organizar em diversos formatos.
Os M-Blocks foram criados pelo aluno John Romanishin. Os cubos são estáveis e se movimentam em diferentes tipos de móveis ou equipamentos. Isso é possível porque há um pêndulo interno que funciona como uma massa giratória. Quando para, a força de rotação passa para o cubo e o faz rolar. Se o pêndulo girar em uma rotação ainda maior, o cubo salta.
Os cubos também têm um sistema magnético com dois tipos de ímãs nas faces e nas extremidades. Isso serve para manter o alinhamento dos blocos e mantê-los conectados, mesmo quando um deles está se movendo.
O formato garante uma estabilidade suficiente para empilhar os cubos em diferentes configurações. Há ainda um programa que pode ser acionado por controle remoto para controlar os blocos e o fazer assumir formas específicas.
No futuro, a união de milhares de cubos como esses pode tornar o sistema uma ferramenta poderosa em construções, por exemplo. Veja os blocos em ação no vídeo abaixo feito pelo MIT (em inglês):